Neuro-News

separador

Aulas de boxe nos EUA ajudam pacientes com Parkinson

Publicado em 20/12/2013
Treinos personalizados não têm contato direto entre os praticantes.

Durante os treinos, não há contato direto entre os lutadores: os exercícios são feitos apenas com a ajuda de um instrutor.

O famoso boxeador Muhammad Ali, de 71 anos, foi diagnosticado com Parkinson nos anos 1980, mas até hoje a ciência não encontrou nenhuma relação direta entre esse exercício e a doença.

Como medida de prevenção, estudos apontam que tomar duas xícaras de café por dia pode reduzir o risco de Parkinson. Quando já diagnosticada, a doença é tratada com medicamentos que podem controlar os sintomas. Em alguns casos, também é usado um marcapasso artificial no cérebro.

Postado em: 20/12/2013
 
 
© 2012 - Todos os direitos reservados - Neurotrat